Notícia

Alegre, veloz e driblador: Tiquinho cai nas graças do torcedor alvinegro

Após marcar um gol na noite deste domingo, no confronto diante do Tocantins, atacante capa-preta foi aplaudido ao deixar o campo e conquista o próprio espaço

Aos 22 anos, Tiquinho caiu nas graças do torcedor do Rio Branco na noite de ontem. Ao ser substituído para dar lugar ao também jovem Alezyr, depois de deixar sua marca na goleada por 5 a 2 sobre o Tocantins, o atacante se consolida ainda mais como uma peça importante para o técnico Flávio Annunziata para a sequência da Copa Verde e do Capixabão.

Tiquinho, atacante do Rio Branco, comemora gol marcado no duelo
Tiquinho, atacante do Rio Branco, comemora gol marcado no duelo
Foto: Edson Chagas/A Gazeta

Jogando um futebol alegre, veloz e com estilo driblador, o camisa 11 se mostra confiante e pretende dar muitas alegrias aos adeptos alvinegros neste ano.

“Sempre tive essa característica de ir para cima dos zagueiros e dos laterais adversários. Quando entro em campo penso em me divertir, deixar a pressão e os comentários contrários do lado de fora. Tento me manter concentrado. É como eu falo para os meus amigos: ‘Amo jogar futebol’”, conta Tiquinho.

O treinador do time deixa claro que põe em campo quem merece, não se importando com idade. Tiquinho é uma aposta que vem dando certo.

“Ele (Tiquinho) e o Márcio Carioca estão dando certo juntos. Isso é bom para todos. Merecem todos os elogios. Mas temos um grupo e joga que está melhor”, diz Annunziata.