Notícia

Ex-técnico do Itapemirim, Paulo Henrique Filho morre aos 52 anos

Paulo, que também foi comandante do time de base do Flamengo, encerrou a carreira no Galo da Vila, em 2015

O técnico e ex-jogador Paulo Henrique Filho, de 52 anos, morreu na noite desta segunda-feira (13), dois dias após ser vítima de um Acidente Vascular Cerebral isquêmico (AVC). Comandante do Atlético Itapemirim em 2015, onde encerrou a carreira, Paulo estava internado desde sábado no Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari, no Rio de Janeiro. 

O Galo da Vila foi o último time dirigido pelo treinador, que também esteve a frente da equipe de base do Flamengo, que conquistou o bi da Copa São Paulo, em 2011. Ele deixa a esposa, Marliene, e três filhos: Rodrigo, Henrique e Juliana.

Paulo Henrique Filho foi técnico do Atlético Itapemirim em 2015
Paulo Henrique Filho foi técnico do Atlético Itapemirim em 2015
Foto: Divulgação/Atlético Itapemirim

Filho do ex-lateral Paulo Henrique - ídolo rubro-negro dos anos 60 e 70 -, PH Filho também foi revelado pelo Flamengo e atuou como atacante no clube. Além de defender o Fla, Paulo jogou ainda em Portugal, México, Arábia Saudita e outros clubes do Brasil. Ele encerrou a carreira de jogador aos 33 anos, no Linhares.

Paulo Henrique Filho teve a morte cerebral confirmada na noite desta segunda-feira (13), mas os médicos não liberaram o atestado de óbito. A família luta desde a confirmação da morte para conseguir doar os órgãos, mas tal situação ainda não foi resolvida. Para a liberação do corpo e a consequente doação dos órgãos, são necessárias assinaturas de dois médicos.

Capixabas lamentam morte

Pela internet, o Clube Atlético Itapemirim lamentou a morte do ex-treinador e demonstrou gratidão pela contribuição de PH Filho ao time. Jogadores como o meia Zizu, também usaram as redes sociais para se despedir do comandante.